Ajude nosso novo Projeto

A Newsvício está investindo fortemente em publicidade, servidores e profissionais para poder melhor compartilhar vossas news na Web, quem puder ajudar nesta causa agradeceremos muito. NewsVício seu espaço na web. ( http://www.newsvicio.com )

Quais são os jogos da próxima geração? O que esperar deles?
Cada vez mais se ouve especulações sobre os sucessores do PlayStation 3 e Xbox 360 e suas especificações técnicas e outros assuntos referentes ao que será colocado dentro destas caixas entretenimento eletrônico.
Entretanto, outros fatores que reforçam a existência dessas máquinas são os jogos que estão em desenvolvimento para o Durango e Orbis (os codinomes dos sucessores do Xbox 360 e PlayStation 3, respectivamente). 
E para dar uma refrescada em sua memória, UOL Jogos reuniu os projetos que estão em desenvolvimento e apostas sobre quais as novidades que eles podem trazer, afinal, além de gráficos mais bonitos, queremos uma nova geração para trazer novidades que justifiquem a compra dessas novas máquinas, não é?
Os games em desenvolvimento

DESTINY

Ficha | Fotos
Atualmente, “Destiny” tem previsão de ser lançado para PlayStation 3 e Xbox 360, mas como a própria Bungie disse anteriormente, este é um projeto com duração de 10 anos, ou seja, mesmo que o game chegue para a atual geração, é indiscutível que outros títulos desta franquia aparecerão nos futuros videogames.
"Destiny" é uma aventura épica de ficção-científica que se passa em um futuro distante, 700 anos daqui, a Terra vive seus últimos dias e a raça humana se concentra em uma única cidade, a "Last City", lutando para sobreviver.
A Bungie promete liberar mais detalhes sobre o jogo durante a GDC 2013, que acontece no final de março, em São Francisco, EUA.

WATCH DOGS

Ficha | Fotos | Videos
O jogo que surpreendeu a todos na E3 2012 tem cara de nova geração de consoles. "Watch Dogs" se passa na cidade de Chicago em um futuro próximo, onde tudo é monitorado por um sistema interligado.
A história de Aiden Pierce ainda é envolta em mistérios, mas “Watch Dogs” é um jogo ambicioso e mesmo programado para a atual geração de consoles, seu lançamento ainda está indefinido – algo que abre uma janela bem ampla e que poderia permitir que o game ganhasse uma versão para os novos consoles.

STAR WARS 1313

Ficha | Fotos | Videos
Você consegue imaginar algo relacionado a “Star Wars”, sem incluir os Jedis? É exatamente isso o que promete o novo jogo da LucasArts revelado na E3 2012. Nele você vai viver uma aventura no universo criado por George Lucas sob o ponto de vista de um caçador de recompensas.
Esse é outro exemplo de jogo que está em desenvolvimento para a atual geração de consoles, mas a produtora não esconde que tem planos de leva-lo para os sucessores do PS3 e X360. Há quem diga que o protagonista de “Star Wars 1313” será ninguém menos que o mítico Boba Fett, um dos principais representantes da categoria na saga.

HUMAN ELEMENT

Leia Mais
O projeto da Robotoki, empresa de Robert Bowling, ex-Infinity Ward, se passa em um futuro pós-apocalíptico e vai contar com uma história muito semelhante ao que vemos na série “The Walking Dead”. Nele o desafio envolve não apenas sobreviver aos zumbis, mas também aos perigos que os seres humanos representam quando em desespero.
“Humam Element” está agendado para chegar em algum ponto de 2015 e é assumidamente um projeto elaborado apenas para a nova geração de consoles.
Os jogadores poderão ter uma prévia de “Human Element” ainda este ano, quando a pequel sair para o Ouya. Porém, o jogo não tem nome e nem mesmo uma imagem divulgada.

WHORE OF ORIENT

Ficha | Fotos
Do criador de “L.A. Noire”, Brandon McNamara, “Whore of the Orient” é outro game que está em desenvolvimento exclusivamente para os consoles da nova geração.
O game se passa no ano de 1936 na cidade de Xangai, China, um local no qual ele descreve como “a cidade lugar mais decadente do planeta, onde tudo pode ser feito pelo preço certo”.
Em "Whore of the Orient" o jogador fará parte de uma força policial que luta para manter a paz em uma cidade corrupta, lidando com manipulações políticas tanto do ocidente quanto nacionalistas chineses e a repressão do Kuomintang ao movimento trabalhista e ao comunismo nascente.

DRAGON AGE III: INQUISITION

Ficha | Fotos
Após dois games de relativo sucesso, “Dragon Age III: Inquisition” promete ser um dos projetos mais ambiciosos da Bioware. Segundo informações já divulgadas, o game terá um mapa gigantesco que será populado por uma enorme guerra entre magos e templários.
Há indícios que o jogo receberá um novo herói, porém o que mais chama atenção é a dedicação por parte da Bioware em tentar descobrir quais são os pontos da franquia que não foram bem recebidos para acertar estas arestas em “Dragon Age III”.
Outros jogos em desenvolvimento
Mesmo não tendo jogos oficialmente anunciados, grande parte da indústria de jogos está pronta para abraçar a nova geração. Sega, CD Project Red, Harmonix, Remedy e uma infinidade de estúdios estão nessa brincadeira.

ARROZ DE FESTA

  • Sabe aqueles jogos que você sabe que serão lançados mesmo sem um anúncio oficial? É bem isso o que apostamos com os novos jogos da Ubisoft, Electronic Arts e Activision, empresas que são fundamentais para o sucesso de uma nova plataforma, e que, por isso, não seria surpresa alguma ver um novo “Assassin’s Creed”, “Call of Duty” e “FIFA” chegando coladinhos com os sucessores do PS3 e X360. Todas estas empresas já declararam que possuem tecnologia para desenvolver seus games para a nova geração de consoles, ou seja, eles já estão trabalhando para as plataformas do futuro no momento em que você lê esta matéria.
Para começar pelas as mais óbvias, tanto a Square Enix, quanto a Epic vão mostrar games que usam as suas novas engines em breve. O mesmo vale para a Crytek e a DICE, que juram de pés juntos que seus novos motores (CryEngine e Frostbyte 2, respectivamente) estão prontos para a nova geração.
Além delas, a casa do porco-espinho mais rádio do mundo, por exemplo, tem dois estúdios trabalhando em títulos para os substitutos do PS3 e X360: o Creative Assembly (da série “Total War”)  e o Sports Interactive (estúdio responsável por “Football Manager”). Há ainda relatos de que a Sega pretende lançar um jogo com os Aliens para a atual geração e a próxima (e não estamos falando de “Colonial Marines”).
A Rockstar, produtora de “Grand Theft Auto”, também está se preparando para entrar na nova geração. Tanto quem dezembro de 2012 a empresa postou em seu site que procurava um programador “para trabalhar em arquiteturas para tecnologias ‘de ponta’ para a próxima geração de consoles”.
A CD Project Red está trabalhando para levar seus games para os novos consoles. Segundo a revista Game Informer, a empresa confirmou que “Cyberpunk 2077” e “The Witcher 3” são projetos Next Gen.
Outros estúdios que sabemos que estão fazendo games para os novos consoles incluem a HarmonixBethesdaRemedy e a 343 Industries.
O que esperar (ou não) da nova geração
Como já dissemos antes, não bastam gráficos atualizados: os jogos da nova geração de consoles vão ter que oferecer mais conteúdo em relação ao que acontece com o PS3 e X360. Como quase nada pode ser guardado em segredo em um mundo regido por escritórios de patentes, há possibilidades plausíveis de acontecerem ainda este ano.
Duas possibilidades apontam que a Microsoft quer expandir a experiência de jogo para fora da tela. Uma delas é o Xbox IlumiRoom, uma tecnologia que combina o Kinect e um projetor para espalhar a imagem do jogo no ambiente onde o console está ligado.
Por um lado essa tecnologia pode criar uma imersão gigantesca, afinal, toda a área ao redor da televisão ficaria tomada por imagens derivadas do jogo. Porém é pouco provável que o IlumiRoom seja amplamente adotado, afinal, para acomodá-la é necessário que o dono do Xbox tenha um projetor em casa e um ambiente bem escuro.
Outra direção para expandir a experiência do jogador é um par de óculos de realidade aumentada, permitindo que o jogador tenha informações adicionais sobre o game em tempo real bem em frente aos seus olhos. Essa informação vem de um suposto documento vazado da Microsoft que foi divulgado no final de 2012.
Esta tecnologia já está em desenvolvimento há anos e um exemplo de que ela pode se tornar viável chega não da Microsoft, mas sim do Google, que está testando o projeto chamado Google Glass.  O lado negativo é que, como toda nova tecnologia, ainda é muito caro desenvolver um aparato desses para vir acompanhado pelo console. O Google Glass ainda não está disponível para o consumidor, mas uma versão para desenvolvedores sai por volta de US$ 1.500.
Porém existem outras tecnologias que estão ao alcance dos mortais, que são as leituras biométricas que podem ser uma nova forma de coletar informações do jogador e transformá-las em objetos de jogabilidade. Isso já foi mostrado no passado com o Vitality Sensor da Nintendo, porém sem nenhuma aplicação viável e útil ao jogador.

CROSS GAME

  • Você se lembra do ‘Cross-Controller’? É o nome que a Sony deu para a tecnologia que permite que usuários do PS Vita disputem partidas contra adversários que jogam no PS3, ou usem o portátil para controlar games no console de mesa. Depois de "LittleBigPlanet 2" e “PlayStation All-Stars Battle Royale” é possível que a Sony continuando seguindo por esse caminho. O problema é a Sony convencer outras produtoras utilizarem esse recurso sem seus jogos...
Não podemos descartar a possibilidade da tela expandida. A Microsoft começou sua experiência neste sentido com o Xbox Smart Glass, um aplicativo para tablets e smartphones que se conecta ao seu videogame para dar mais informações ao que é exibido na televisão. Em “Forza Horizon”, por exemplo, é possível determinar rotas no minimapa, ver conquistas ainda não alcançadas e outras coisas do tipo.
Este parece ser uma aposta mais certeira, afinal, nos últimos anos smartphones lideram a lista de produtos mais vendidos no mundo. A Sony poderia tentar expandir este tipo de tecnologia para o PS Vita – e já mostrou interesse de fazê-lo já no PS3.
Espere também mais interatividade online dos jogos, mas fora dos videogames. “Far Cry 3” e “Mass Effect 3” têm aplicativos que aumentam a experiência dos jogos de formas simples, como ler mensagens de personagens de jogo ou mesmo em minigames que recompensam a dedicação do jogador.
A futurologia dos consoles está lançada. Falta saber se você tem alguma aposta sobre a nova geração de consoles e dos jogos que ela trará. Para isso, utilize o espaço de comentários logo abaixo e compartilhe seus pensamentos “next gen”.



0 comentários:

Postar um comentário

  • Home
  • Facebook
  • Youtube
  • Google plus